~








entre o fogo fátuo e o tanatos r)escrito -



nasc(er - sem língua


- ligar


silên)(cio s -



- a(pertar



vida









46 comentários:

~pi disse...

centrar

o fascínio e a

beleza

do nome

onde me

te ~ me ~ tenho

( em todos os estados

menos o

só ~ lido :)




~

um Ar de disse...

Pois
te quero
feliz
em ermo
lugar
.
Mesmo se
em outros
não ermos
lugares
não encontre
eu tal
silêncio
eu tal
feliz ~eu
assim
.
[Beijo
quase
mudo
...
enquanto
não
mudo]

Justine disse...

Perante a beleza comovente, o silêncio. Assim me apetece ficar aqui, a ler-te e a reler-te.

Só- Poesias e outros itens disse...

No in (sól) ito
que se vive.

bjs

JU Gioli

Ruela disse...

~pi
fly like a bird ;)

lupussignatus disse...

re

nas

cer


em cada

fascínio

e des

ilusão

intimidades disse...

blog fantastico

adorei

jokas

paula

f@ disse...

Apertar mto a vida... espremer até ser maior...
beijinhos das nuvens

burro disse...

passa ~ ro

sem

asas

ao

lu ~ar

fá tu ~~~~o

a pagado

nu

espinho

da

roseira

Anônimo disse...

não se render ao mel de
nenhuma palavra.

Oliver Pickwick disse...

Uma poesia em sépia! Era só o que faltava para render-me de vez à sua criatividade. ;)
Um beijo!

observatory disse...

a tua escrita

continuo a olhar para ela com gosto

nao engasga nem enfarta




ps: publicidade :) BOM... 6 maneiras de estar . . . . . . que me parecem interessantes.

Post-It disse...

Ao cio o silên cio, que o corpo fala estando calado.

Ruela disse...

Tropeço ;)

mas ao lado tem a Raiva e o Paraíso
;)))))))))))))))))))))))

Dalaila disse...

Lugar,
ser, estar, ser em silêncio estridente ou profundo,

viver.

hfm disse...

Aqui não é um lugar ermo.

elena disse...

do emudecer ao acontecer,

anitta disse...

de apender a estar

y a ser

besos

RAÚL disse...

es un pájaro sombrío!! (entiendo que ella no quiera tocar el suelo)

Véu de Maya disse...

voas e sobrevoas...quando é que chegas...é tudo tão misterioso que é tentador permanecer nos enigmas.
Xi/abraço/beijo

Maria Laura disse...

Belo. Só. Que mais há a dizer?

madame CóCó chinelo disse...

és artista portuguesa?


amei,

beijos

Anônimo disse...

feliz pode ser um dizer desadequado...

mariam disse...

Pi, fico assim, meia sem jeito, quando "a" leio... volto à carga ao início e leio de novo... nem sempre chego ao âmago!
gosto sempre... mas sempre ... de vir aqui... vc é o "meu" «Miró» da blogosfera (da que frequento)... no passado dia 1, deliciei-me frente a alguns dos seus quadros no "Raínha Sofia".... na sua maioria não os tento analisar...apenas os contemplo...e gosto)
não se zanga comigo, pois não?!

um grande sorriso :)

mariam

Dois Rios disse...

beber devagarinho

do rio do silêncio.

no raiar da lua

que

reflete vida.

beijo

inês

p.s. imagem deslumbrante.

Ana disse...

Acordar o ar. Apertar a vida.

Avid disse...

Fascinio e beleza. Amanheceres em beleza.
Bjs meus

Casal MMs disse...

Belas e impactantes fotografias tens aqui!
Casal MMs – Pintando o erotismo com luz!

disse...

Que maravilha ...demorar a vir e te encontrar tão viva e ativa com sua poesia fluida de ...vida.... !bjs muitos

isabel mendes ferreira disse...

nome de um lugar feito luz. rara.





este.


.

sinhã, a. disse...

~pilêncio fascinante. :-)

mdsol disse...

Pi
hoje digo-te que Pi era o "petit nom" do meu filhote. Pi, um nome que me emociona há muito e agora ...também....mais...
Gosto de aqui vir, porque sim!

clicar no link do casal mms disse...

Eu clicar no link do
casal mms sem querer...ai
ela sabe tocar viola.

heretico disse...

belo. como o animal. que bebe o ar... e pressente o ermo lugar.

beijo

andorinha disse...

A dança das palavras bebendo a vida.

manhã disse...

é engraçado que sempre que venho aqui ando à procura das palavras, é como uma caça, os caçadores? os olhos.

maria disse...

venho para deixar um bejinho e agradecer a visita.

Stella Nijinsky disse...

Olá ~pi!

Tens aqui uma data de ensaios sobre o que escreves,
parabéns,
subscrevo o do herético!

Stella

dona tela disse...

Aqui há gato!

Beijinhos.

Azul disse...

farei minhas as palavras de Justine, porque mas não saberia dizer. passei aqui em busca de algo especial, e enconteri um blog que me parece ser uma "obra prima". belíssimo. parabéns pelo espaço que visitarei mais vezes, definitivamente. Obrigada por tamanha beleza que aqui partilha. Um abraço. Até breve. Azul.

legivel disse...

... pelos vistos, investimos as últimas letras à sombra de dois animais: o meu chifrudo e a roçar o violento. O teu, qual grito madrugador que "acorda o ar".

A tua felicidade e a minha angústia, apenas separadas pelo nome de dois sítios na blogosfera...


(... isto hoje deu-me forte... )

Suso Lista disse...

Sempre disfruto aquí. Beijos

L.Reis disse...

...não ter tamanho para tanto sentir...

0.04 disse...

sim...

NuNú disse...

A/pertemos o Lídia a vida
contra o peito
enchido pela única
certeza da morte vindoura

maria m. disse...

construir pontes

Loading...