~















.

29 comentários:

~pi disse...

poema de música que

é

( cobertor

água

e

vento-morno

nas noites

do

deserto

gelado





~





[ até-já

Dalaila disse...

frio que arrefece o corpo.....

clanDestino. disse...

Estou a sentir a tua falta.

D.

observatory disse...

uiiiiiiiiiiiiiiiiiiii


a serio?

perdida a formula?


e agoraaaaaaaaaaaaaaa

observatory disse...

?

vai ha ver um suicidio colectivo

mais do mesmo pi :)

shh disse...

não
digo
que choro
para
não
dizer
que minto
digo
apenas
que sinto

Rayuela disse...

Después
de tanta
muerte
triunfa
la VIDA

escuchemos
el

c
a
n
t
o

de
esos huesos.


Besos!
(también para el poeta que nunca exisitió)

tempusinfinitae disse...

Há que fazer com que o poeta que nunca existiu não pereça.

Ele move o mundo.

E aquece, como tão bem o demonstras.

entre dentes disse...

fresco como oásis.

triliti star disse...

obrigadp por teres trazido aqui...

legivel disse...

não há céu cinzento
que me tempere a palavra
nem céu azul que me acalme a ira

apenas o céu de fogo
me compreende a revolta
e nele me revigoro
BEIJOs.

Rui disse...

Sente-se esse vento.

RAÚL disse...

deberían existir más poetas como éste

João Menéres disse...

Música e paisagens que nos obrigam a muito pensar e a reflectir.
Apreciei. Devias imaginar.

Beijo.

Dois Rios disse...

acordes que pensam.

imagens que pulsam.

esperança que não morre.

beijo,

inês

um Ar de disse...

... faz parar o tempo.
...
...
.
.
[Beijo...@]

heretico disse...

soberbas, esmagadoras imagens...

beijos e beijos

Ana disse...

A voz da dor entre imagens de beleza ímpar.

Um beijo, Pi.

Justine disse...

O Homem, capaz de todas as atrocidades e de todas as grandezas...

Arabica disse...

Levaste-me ao Chipre,


a mesma voz o mesmo vento


noutro tempo.


Um beijo

L.Reis disse...

pungente...este silêncio de lamentos.

f@ disse...

B

e
l
o
.
.
.
sem horizontes esse infinito de pa l a v r a s musicais...

beijinhos

Ruela disse...

pois...









bjs.

mariam disse...

~Pi,

um post _____ extremo___ na beleza e no sentir .

volte rápido e em bem :)

um abraço amigo e o meu sorriso :)
mariam

andorinha disse...

Sem palavras.

Oliver Pickwick disse...

Que contraste, hein? Mas, assim caminha a humanidade, produz imagens e música de sonhos e simultâneamente mostra que o inferno é aqui mesmo.
Um beijo!

maria m. disse...

a humanidade e a desumanidade no mesmo ser.

/t. disse...

beautiful video:
God's greatest paintings
&
a lovely piece of music(!)

i must find more lévon minassian

¤ ¤ ¤

/t.

Anônimo disse...

INDIGNO
FRAUDE

Loading...